Ceccon - Venda e Aluguel de Imóveis
Imóveis
&
Contabilidade
  BUSCA RÁPIDA DE IMÓVEIS
  ÚLTIMAS NOTÍCIAS
15/08/2016

Brasil perde de vice-campeã olímpica após garantir vaga inédita nas quartas

Já estava tudo definido quando a seleção masculina de handebol do Brasil entrou em quadra para enfrentar a Suécia, na tarde desta segunda-feira, na Arena do Futuro. A vaga inédita na fase de mata-mata de Jogos Olímpicos já estava nas mãos, assim como a terceira colocação do Grupo B. Motivos mais do que suficientes para os meninos entrarem em quadra com o freio de mão puxado. Longe de conquistarem uma vitória para fechar a primeira fase com chave de ouro, os brasileiros não foram páreos para os oponentes europeus. Os suecos, atuais vice-campeões olímpicos, mesmo já eliminados na lanterna, resolveram jogar como não fizeram durante todo torneio. E levaram a melhor por 30 a 19, se despedindo da Olimpíada com esse único triunfo em solo carioca.

- Agora é recuperar o mais rápido possível. Temos um páreo muito duro pela frente, é mata-mata e espero que a gente consiga essa classificação para as semifinais - disse o central João, que foi poupado e praticamente não atuou diante da Suécia.

A seleção brasileira encerra a primeira fase com duas derrotas, um empate, mas duas vitórias importantíssimas, que ajudaram demais a equipe a garantir a classificação inédita. Elas foram na estreia sobre a Polônia, terceira colocada no último Mundial, e sobre a Alemanha, atual campeã europeia e líder do ranking mundial.

- Na história do handebol brasileiro, nós nunca tínhamos ganhado de um time como foi com a Polônia e a Alemanha. Foi surpreendente. Empatamos com o campeão da África, o Egito. Conseguimos dar um sufoco na Suécia. Para nós, a evolução do handebol brasileiro é muito grande. Pela estrutura que temos. Os atletas deixaram suas famílias, foram em busca de melhorar o seu nível. Essa é uma equipe nova, que tem muitos sonhos. Estamos batalhando muito para concretizar essas ações. Temos que ficar felizes pelo que apresentamos e tentando sempre fazendo o melhor a cada jogo - comentou o goleiro Maik, único jogador do elenco a ter disputado uma Olimpíada (Pequim 2008).

...
15/08/2016

Câmera despenca de cabo no Parque Olímpico e deixa feridos

Uma câmera que ficava suspensa em cabos de aço despencou no Parque Olímpico na tarde desta segunda-feira (15). Pelo menos sete pessoas ficaram feridas, segundo a organização da Rio 2016. Umas das feridas é uma criança de 11 anos. Quatro pessoas precisaram ser transferidas para hospitais, mas nenhuma delas apresentava ferimentos graves. Veja no vídeo acima o momento exato da queda da câmera.

No momento do acidente, havia vento no Parque Olímpico. Segundo o Inmet, às 15h houve registro de rajada forte (53,6 km/h) em Marambaia, também na Zona Oeste. Cinco feridos foram atingidos pelo cabo que sustentava a câmera e duas pelo próprio equipamento. 

O acidente foi perto da Arena Carioca 1, onde ocorrem as partidas de basquete. Os feridos foram levados por bombeiros e por membros da Força Nacional, inicialmente para um posto médico no próprio Parque Olímpíco.

Às 15h30, as vítimas começaram a ser transferidas para o Hospital Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio. Ao todo, quatro pessoas foram transferidas.

O equipamento é de responsabilidade da empresa Olympic Broadcasting Service (OBS), que pertence ao Comitê Olímpico Internacional (COI). A empresa ainda não se posicionou sobre o caso. As câmeras suspensas fazem imagens em todas as arenas da Olimpíada.

...
  CADASTRE SEU EMAIL
E receba todas as novidade da Ceccon!